Construção de Websites


Assessoria de "O & M"


Formulários Digitais


Gerência de Operações


Curriculum Vitae


Família


Felipe Caiazzo


Fotografias


Catete 338


Ex-alunos Franco-Brasileiro


Ex-alunos Escola Técnica


Música


Discos de Bossa Nova


Fluminense


Virtuosi.org


Caiazzo.org


E-mail


Home

 

 

Sergio Caiazzo


 

Catete 338

 

 

 Fotos do Catete 338

 

Nesta página vamos navegar por uma história real, uma história em que todos nós somos os protagonistas.

Nós, do CATETE 338

 

Torná-la um romance emocionante, repleto de fatos verdadeiros, fatos relevantes, fatos ricos na intelectualidade e na sabedoria, e ainda, preservados em sua integridade e autenticidade, e escrita com elucidação, é o que vamos tentar fazer. O mais importante nós temos: a excelência da nossa convivência. Falo no plural, porque a construiremos juntos, do mesmo modo que edificamos a nossa amizade. Uma página, significativamente importante, de nossas vidas. De nossas lembranças, de como fomos felizes naquele tempo.

Uma aventura recordando a nossa juventude, uma juventude inteligente, com muita vida, com virtudes e ideais.

Importantes e inesquecíveis situações que passamos, que marcaram nossas vidas, serão recordadas; vamos revivê-las...

Acontecimentos engraçados, como aquele que os marimbondos picaram o Zé Macaco ah! ah! ah! vão nos divertir muito! Vamos contar o tempo do Lamas, da sinuca, da Mangueira, do 8 no caminho do Corcovado, das farras, dos namoros e das muitas coisas mais! Também tem seus momentos tristes; mas, afinal, é da vida. Veremos fotos incríveis! Vamos matar as saudades!

Em nenhuma letra sequer, a integridade moral de qualquer um de nós é ameaçada. Somos todos soberanos na dignidade.

Muitos da "família 338" não foram moradores do prédio; mas, são integrantes, igualmente, da história! Somos todos "irmãos-de-infância".

Bom?! Como iniciar? Há tanta coisa a contar! Talvez por um acontecimento, depois vão vindo as recordações e aí ... já estaremos navegando naquela época...

 

Episódio I - A construção e a ocupação

Em 1953, começaram a chegar os primeiros moradores dos apartamentos do prédio número 338 da Rua do Catete. As famílias eram heterogêneas nas classes sociais: média, média baixa e baixa, e conseqüentemente, diversificadas nas profissões. A  maioria procedia da zona norte. Eram médicos, dentistas, funcionários públicos, motoristas de táxi, comerciantes e funcionários de empresas de petróleo. Vamos ver agora a relação completa de todas as famílias da época da ocupação, em setembro de 1953.

O edifício, Antonio Ferreira Filho, construído em 1950(*) e edificado sobre rochas (algumas tiveram que ser dinamitadas), teve a sua localização privilegiada, ficando bem em frente à Rua Almirante Tamandaré, que dá direto na praia do Flamengo. Foi construído pelo IAPETEC, antigo Instituto de Previdência (alguns anos depois  foi criado o ex-INPS, agregando todos os Institutos da época, o IAPI, o IAPC, o IAPETEC entre outros, e desde aquela época, já havia "maracutaia", diziam os mais velhos).

Foi construído com dois blocos, A e B, de forma assimétrica, com quatro apartamentos no bloco A e cinco no bloco B, todos de dois quartos, exceto uma coluna do bloco B que era conjugado, num total de 84 apartamentos.  O primeiro e o segundo andar, galeria e sobreloja, eram de lojas comerciais,  e no final da galeria foi construído um teatro, o Teatro São Jorge, depois Teatro do Rio e atualmente Teatro Experimental Cacilda Becker...

 

(*) a confirmar

 

Acervo de fotografias Catete 338

 

 

Página dedicada àqueles da época. Época, CATETE 338.

 

 

 

Fotos do Catete (Cines Paissandu e São Luiz, e Lamas)

 

 

Catete 338  |  Créditos  |  Catete antigo  |  Moradores 338

 

 

Blog do Felipe    Caiazzo.org    Felipe Caiazzo

 

 

 

 

Copyright © 2000-2017  All rights reserved

Caiazzo.org / Caiazzo.com.br / Caiazzo.net.br / FelipeCaiazzo.com.br

Privacidade

 

 

Topo